PRECE



    • A prece é o recurso pelo qual a criatura se
      comunica com o criador.
    • Nesse intercâmbio encontra meio de se identificar com o Pai.
    • A oração, acima de tudo, é sentimento, devendo ser feita sem afetação ou exibicionismo.
    • Há uma diferença entre orar e declamar; portanto, a oração deve ser simples e espontânea.
    • A prece é eficiente, tanto na manifestação verbal, como no silêncio das vibrações.
    • A prece ilumina, tranquiliza, orienta e consola.
    • Todas as preces são boas, desde que nascidas do coração sincero.
    • A prece pode ser de súplica (em nosso favor ou de outro), de agradecimento e de louvor.
    • Dispomos no coração do mais alto sistema de intercâmbio entre a Terra e o céu.
    • Jesus passou pela Terra orando e servindo, ensinando-nos que a prece está entrelaçada com o trabalho do Bem.
Prece

    Meu Senhor, Sábio dos sábios,
    Pai de tôda a Criação,
    Põe a doçura em meus lábios
    E a fé no meu coração.

          Sol de amor que me conduz,
          Na vida em que me agasalho,
          Enche os meus olhos de luz
          E as minhas mãos de trabalho.
    Dá-me forças no caminho,
    Para lutar e vencer,
    Transformando todo espinho
    Em flôres do meu dever.
          Pai, não te esqueças de mim,
          Nas bênçãos da compaixão,
          Guarda-me em Teu coração,
          De paz e de amor sem fim.

A prece segundo o Livro dos Espíritos na questão 659 pode-se propor três coisas:

  • louvar
  • pedir
  • agradecer


Fonte de consulta: Livro Evangelização/ UEM - União Espírita Mineira & http://www.ermance.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por comentar. É uma enorme alegria tê-lo aqui! Abraço!