A Cura de uma menina


Mateus 9, v 18, 19, 23, 24, 25 2 26

18.Dizendo-lhes ele estas coisas e eis que chegou um chefe, e o adorou dizendo: minha filha faleceu agora mesmo, mas vem impõe-lhe a tua mão, e ela viverá.
19.Jesus levantando-se, seguiu-o ele e os seus discípulos.
23.E Jesus, chegando à casa daquele chefe, e vendo os instrumentistas, e o povo em alvoroço,
24.Disse-lhe: Retirai-vos, que a menina não está morta, mas dorme. E riram-se dele.
25.E, logo que o povo foi posto para fora, entrou Jesus, e pegou-lhe na mão e a menina levantou-se.
26.E espalhou-se a notícia por todo aquele país.

Naqueles tempos, quando uma pessoa morria era enterrada quase imediatamente, e para manifestar seu pesar eles rasgavam suas próprias roupas, gritavam e usavam os instrumentos.Quando Jesus chegou a casa da menina, que se chamava Talita, eles já estavam se preparando para o enterro e quando Jesus disse que ela apenas dormia e que não tinha morrido, riram.Naquele tempo era comum as pessoas desfalecerem e ficar várias horas sem movimentos e os sinais vitais ficam quase nulos, respiração bem leve quase imperceptível (Catalepsia).Foi o que aconteceu com o Filho da Viúva de Naim e com Lázaro. Jesus chegou perto da menina e com seus fluidos rarefeitos a acordou do sono profundo, fazendo o mesmo com Lázaro e o Filho da Viúva de Naim. Esta passagem mostra a fé que o pai teve indo buscar Jesus, mesmo achando que a filha estava morta "SE impor as mãos sobre ela, viverá".

Para mais esclarecimentos ler " A Gênese" de Allan Kardec

Muita Paz!

Um comentário:

  1. Até hoje em dia ainda se ouve sobre pessoas que foram enterradas vivas.
    Mas já é mais difícil, ...acho. Ui...

    ResponderExcluir

Obrigado por comentar. É uma enorme alegria tê-lo aqui! Abraço!